Volkswagen tem 15 dias para apresentar plano de reparação, diz Alemanha

0

O ministro alemão dos Transportes, Alexander Dobrindt, anunciou hoje que a Volkswagen tem até ao fim do mês para começar a apresentar planos de reparação para os veículos afetados pela fraude das emissões poluentes. Estes planos dividir-se-ão em duas fases, com prazos distintos, uma para veículos com motor 2.0 e outra para os carros com motores 1.6 e 1.2.

O plano de reparação para os veículos 2.0, mais potentes, tem de ser apresentado até ao final de outubro junto do regulador dos transportes (KBA). A solução para as restantes motorizações tem de surgir até ao final de novembro, segundo declarações citadas pela agência Reuters.

A complexidade das soluções para cada um destes motores deverá ser a principal razão para as diferenças no prazo de entrega. Nos veículos mais potentes, deverá ser instalado um depósito de AdBlue, que permite transformar o óxido de nitrogénio em água e nitrogénio, reduzindo as emissões de gases nocivos. Nos restantes carros, a solução é tecnicamente mais complicada e por implicar a instalação de catalisadores maiores.

A Volkswagen pretende concluir a reparação dos veículos até ao final de 2016. O ainda responsável pelo grupo nos EUA, no entanto, já admitiu que esta situação poderá só estar resolvida no final de 2017, adiantou Michael Horn na audiência do Congresso norte-americano, na semana passada.

Culpados por encontrar

Na quarta-feira foi noticiado que 30 gestores poderão estar envolvidos no escândalo de manipulação das emissões do grupo. A Volkswagen, sem negar o envolvimento de gestores, disse apenas que os números “não têm qualquer fundamento”. Mas, segundo o Governo alemão, não se sabe, por enquanto, quais foram os responsáveis pela criação deste dispositivo, segundo Alexander Dobrindt.

A Alemanha ordenou esta quinta-feira a recolha de 2,4 milhões de veículos no início do próximo ano. Número abaixo dos veículos que foram adquiridos com este software porque há 400 mil veículos que já não estão a circular, acrescentou o responsável aos jornalistas.

Por: Diogo Ferreira Nunes | Fonte: Dinheiro Vivo | Fonte (imagem): Wikipedia / Martin Rulsch,

Proteja a frota automóvel da sua empresa com a tecnologia de localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply