Vai definir uma política de frotas? Evite os seguintes erros

0

A gestão de frotas deve estar assente, como qualquer ato de gestão, em procedimentos estabelecidos para melhorar os níveis de desempenho. Saber o que fazer e como fazer é essencial para melhorar o desempenho dos profissionais, a correção de comportamentos e gestão de expectativas.

Completo mas não complexo

A gestão é um ato abrangente, influenciado e influenciando diversos aspetos da vida de uma empresa. Nesse sentido, a política de frotas deverá ter em conta as diversas variáveis da equação.

Deverão ser abordados temas relacionados com a utilização de veículos, condução preventiva, documentação, abastecimento e manutenção. A utilização da viatura para atividades não profissionais, também deverá ser clarificada.

Mas um documento completo não tem necessariamente de ser complexo. Lembre-se que está a preparar um documento que vai ser lido por outras pessoas, que quer passar uma mensagem e definir uma linha de comportamentos.

Criar uma política de gestão de frotas demasiado complexa poderá trazer problemas. Por muito bem sustentada que esteja a sua estratégia de gestão.

O recurso a palavras demasiado técnicas poderá dar origem a falhas de comunicação. E se quer transmitir uma mensagem, convém que esta seja entendida.

Devem ser apresentados de forma clara todos os comportamentos que são permitidos e não permitidos, assim como o modo mais correto de executar determinadas tarefas.

Condutores: Uma opinião que conta

Não ter em conta a opinião dos condutores. Este é porventura um dos aspetos mais importantes para a elaboração deste documento. Trata-se da implementação de um conjunto de medidas que influencia diretamente o trabalho dos condutores.

Eles terão opiniões e contribuições a dar, elucidando-o sobre os problemas da frota, medidas que são aplicáveis e exequíveis.

Fonte: Locamerica (adaptado) – Consulte aqui o artigo original 

Vigie a atividade dos veículos da frota da sua empresa com soluções de localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Gestão de Frotas, Problemas Frequentes

Leave A Reply