Torrestir: “O segredo do sucesso são 30 anos de expêriencia”

0

O grupo Torrestir, um dos maiores operadores de logística e transporte a nível nacional, conta com 48 anos de experiência pautados por diversas reestruturações ao longo dos anos, que resultaram no seu fortalecimento e adequação às exigências do mercado. Para além do transporte rodoviário de mercadorias, disponibiliza um vasto leque de serviços na área da logística e transportes, tendo-se tornado numa das principais empresas de transporte nacionais com variados serviços.

A CARGO falou com Fernando Torres, presidente do grupo, que fez um balanço da situação actual e das perspectivas a curto-prazo na empresa e no sector dos transportes e logística em geral.

CARGO: A Torrestir garante hoje um lugar de reconhecimento no transporte rodoviário de mercadorias. Qual a fórmula para o sucesso?
Fernando Torres: O segredo são 30 anos de experiência nesta área. A empresa tem 48 anos e eu assumi-a na década de 70, quando era uma pequena empresa da região de Braga. Fomos crescendo lentamente e adquirimos experiência com esse trabalho.

Qual foi o volume total de facturação no último exercício?
Não sei números exactos mas o último exercício andou à volta dos 96 milhões. Este ano temos uma previsão de que venha a rondar os 100 milhões de euros.

A Torrestir nasceu como uma empresa de transporte rodoviário de mercadorias mas nos últimos anos tem-se expandido para outras áreas, nomeadamente para o sector da Logística, criando a TorresLog. Por que motivo a TorresLog escolheu Madrid como sede?
A Torrestir já trabalha em logística há alguns anos e recentemente criámos a TorresLog que é um serviço que complementa o serviço da Torrestir. Espanha é muito importante, quem quiser estar na logística tem de estar cá e lá, os clientes são os mesmos, e obriga-nos a ter bases em Portugal e em Espanha. Temos também uma base na Alemanha com um cliente com quem trabalhamos há 20 anos, e nesses 20 anos temos 100% de eficácia, nem greves nem neve impediram que os nossos carros chegassem a horas.

Tendo em consideração a conjuntura actual de crise, quais os objectivos a curto prazo para a Torrestir?
Os objectivos traçavam-se a 5 anos, passou-se para 3 e actualmente já fazemos anualmente e com rectificações. Os objectivos passam por crescer porque a Torrestir já tem os equipamentos para tal. Temos projectado para o próximo ano concluir, pelo menos, duas plataformas logísticas, uma em Silves, um processo que se arrasta há dois anos com a Câmara Municipal mas que já tem licença, e outra em Vila Real de Trás-os-Montes, que é uma área que nos falta. Depois temos uma grande em Braga e acabámos de adquirir um terreno à Câmara da Mealhada. Portanto entre 2011 e 2012, essas plataformas vão ficar prontas e vamos apostar na logística. A nível da frota também vamos continuar a investir. Este ano investimos sete milhões nas frotas, para o próximo ano não deverá ser tão grande mas andará na casa dos cinco milhões.

in Cargo News

Share.
Saiba mais sobre:   História e Evolução

Leave A Reply

 

Privacy Preference Center

Estritamente Necessário

Cookies necessários para o correcto funcionamento do site.

GDPR, __stid, __unam, PHPSESSID, __cfduid

Análise Anónima

Estes cookies permitem-nos contabilizar visitas e fontes de tráfego para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Esta é uma ferramenta bastante útil, já que nos ajuda a conhecer as páginas com maior e menor popularidade, assim como a forma como os visitantes utilizam o site.

_ga, _gid, __sharethis_cookie_test__, popupally-cookie-1

Close your account?

Your account will be closed and all data will be permanently deleted and cannot be recovered. Are you sure?