SCUT: Tarifa de 8 cêntimos por quilómetro

0

A cobrança de portagens nas auto-estradas ditas sem custos para o utilizador (SCUT) já foi publicada em “Diário da República“, numa resolução do Conselho de Ministros que indica uma tarifa para veículos de classe 1 de oito cêntimos por quilómetro. A tarifa de referência é de 0,06671 euros, mais 21 por cento de IVA.

De acordo com o Jornal de Notícias, estão também já estipuladas as tarifas a aplicar por quilómetros às classes 2, 3 e 4 de 1,75, 2,25 e 2,50 euros respectivamente. As tarifas podem ser actualizadas anualmente no primeiro mês de cada ano civil, tendo em conta o valor da inflação.

Os utentes das SCUT que a partir de 1 de Julho passam a ser pagas – Grande Porto, Costa de Prata e Norte Litoral – terão de obter um dispositivo de identificação electrónica ou fazer prova de que já o encomendaram, devido à «solução exclusivamente electrónica» das portagens.

O documento acrescenta, ainda, que fica em aberto a possibilidade de isenções para «os utentes dos lanços ou sublanços» dessas auto-estradas, uma forma de minorar o descontentamento dos autarcas e população nortenhos que têm vindo a reivindicar o não pagamento nestas estradas.

Despesa pesada para famílias e empresas

O porta-voz do Movimento Conjunto de Contestação das Portagens afirma que as portagens que vão ser cobradas a partir de 1 de Julho nas SCUT do norte são uma despesa pesada para famílias e empresas. Declarações que surgem depois de ter sido publicada a tabela de preço a cobrar nestas SCUT a partir de 1 de Julho.

Oiça aqui a notícia:

in A Bola/Antena 1

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply