Progelcone erradica uso indevido das viaturas pelos funcionários

1

Constituída em 1983, a Progelcone tem como actividade a produção de bolachas para gelados e pastelaria. Desde o inicio de actividade a agressividade comercial e a carência de ofertas neste segmento marcaram a evolução da Progelcone, que rapidamente alargou a sua área de actuação para todo o país.

Com o avançar do negócio e a necessidade de rentabilizar o transporte de produtos, a Progelcone sentiu necessidade de controlar e melhorar o comportamento dos seus funcionários ao volante. Assim, adquiriram um sistema de gestão de frotas e localização GPS. Segundo o Eng. Alfredo Almeida, administrador da empresa, “mais do que saber onde estão as viaturas, interessava-nos saber que não andam por aí”. A instalação do sistema produziu efeitos imediatos: deixaram de se verificar situações como várias viaturas da empresa à porta do mesmo café ou percursos de 60 quilómetros durante a hora do almoço terminaram.

A Progelcone conseguiu, assim, rentabilizar os seus funcionários e maximizar os lucros da empresa.

Share.
Saiba mais sobre:   Gestão de Frotas

1 comentário

  1. Américo S. Tavares Ramos on

    Bom bom mesmo, era os Ex.mos Srs. Administradores da Progelcone S.A. certificarem-se mesmo da efectividade do sistema “GPS”. Não o sistema em si, mas a continuação do uso indevido por parte dos funcionários (nem todos, apenas alguns). Claro está, um funcionário que habite próximo da empresa e tenha entrada horária ao serviço bem cedo, sente-se por vezes até mesmo no direito de deixar familiares na escola/infantário/trabalho, isto abusivamente, e não falando em por vezes várias voltas para compras pessoais durante o horário de serviço, em que locais de entrega já se encontram abertos e receptivos da entrega. Isto tudo sem calcular que um potencial acidente, as seguradoras não tomem responsabilidades (transporte de crianças sem cadeira e no banco traseiro, inexistente neste caso, por tal proibido por lei). Existe quem assim se ache nesse direito, por vezes testemunhado por transeuntes e outros demais que reparam nessas situações. Para este sistema ser mesmo eficaz, só com controlo permanente e rota/horário da primeira entrega combinada com o primeiro local e em centros comerciais, confirmada a hora de entrada que é respectivamente anotada pelos seguranças na entrada do mesmo.

Leave A Reply