Motorista da TNT ajudou a encenar assalto

0

Três homens foram detidos pela Polícia Judiciária (PJ), por suspeita de terem simulado um assalto e se apoderarem de quase 33 mil euros em dinheiro e cheques.

O grupo elaborou o plano de assalto ao pormenor contando para isso com a ajuda de um elemento que trabalhava como motorista na empresa TNT, que realiza entregas internacionais de bens e dinheiro.

Os factos verificaram-se na manhã de quarta-feira passada, numa rua de Lisboa quando o motorista da referida empresa seguia ao volante da carrinha de entregas, numa rotina habitual. Foi interceptado por dois homens que sob ameaça de arma de fogo o sequestraram, atando-lhe os braços e colocando-o na caixa de carga do automóvel, sem antes o agredirem fisicamente na cara.

Os indivíduos acabaram por abandonar o veículo num local algo descampado, perto de Chelas, colocando-se em fuga com um saco contendo cerca de 33 mil euros em dinheiro e cheques.

O motorista da empresa foi socorrido por populares que o ouviram gritar e, pouco depois, dirigiu-se à PSP da zona para apresentar uma queixa de roubo.

No entanto, e após diligências da PJ, foi descoberto que tudo não passou de uma encenação e o motorista era, afinal, cúmplice dos dois assaltantes, de nacionalidade brasileira, e que também já haviam trabalhado ao serviço daquela transportadora.

“Apesar de se apresentar ferido, a história não batia certo”, disse fonte da PJ.

in Jornal de Notícias

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply