Japão quer frota de táxis robot em 2020

0

O serviço de táxis privados que conhecemos, consiste em chamar-mos um táxi numa praça, ligando para uma central ou utilizando uma app, e posteriormente aguardar um pouco até que pouco tenhamos um automóvel à nossa espera para nos levar ao nosso destino, tudo isso graças ao motorista que dirige o veículo. Pois muito bem, no Japão será diferente.

Tudo graças a duas empresas japonesas, a DeNA e a ZMP), que combinaram tecnologias que têm vindo a desenvolver ao longo dos últimos anos, relativas a comunicações móveis, veículos autónomos equipados com sensores e outro tipo de tecnologias.

Graças a essa tecnologia, pretende-se que a cidade de Tóquio esteja preparada para com os seus “táxis olímpicos”, transportando os visitantes da cidade durante os Jogos Olímpicos de 2020, realizados na cidade de Tóquio

Estes Robot Táxis servirão para :

  • Guia para Turistas
  • Realizar transportes em caso de falha do serviço público de transportes
  • Transportar pessoas que vivem em zonas isoladas e que precisam de cuidados médicos

A tecnologia

Os veículos irão utilizar tecnologias com mapas, reconhecimento de peões, deteção de sinais de sinais de trânsito de forma a circular corretamente.

 

Os veículos irão utilizar tecnologias com mapas, reconhecimento de peões, deteção de sinais de sinais de trânsito de forma a circular corretamente.

 

 

Segundo as empresas, 70% dos custos de um táxi convencional são os condutores, pretendendo desta forma eliminar o fator humano, levando a que os automóveis circulem de forma automática. Outro argumento a favor desta inovação, prende-se com o facto de se poderem realizar trajetos que antes seriam proibitivos devido ao seu custo.

Esta inovação implicará alterações às leis, uma vez que atualmente, qualquer carro que circule na rua terá de ser operado por um condutor, devido a questões de segurança.

 Vigie a atividade dos veículos da frota da sua empresa com soluções de localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Tecnologia

Leave A Reply