Frota de autocarros de Berlim vai testar quatro veículos elétricos carregados por indução

0

Carregam baterias em 7 minutos e foram aperfeiçoados por forma a garantir que nunca ficam sem carga. São quatro autocarros baseados no Solaris Urbino 12 Electric e passaram a integrar a frota de autocarros da BVG, empresa de transporte público rodoviário berlinense. Também a cidade alemã de Dresden optou por integrar, há sensivelmente três meses, na sua frota um Solaris Urbino 12 Electric alimentado com energia reciclada.

O operador de transportes públicos de Berlim, BVG, está a testar quatro autocarros elétricos que são carregados por indução, nos terminais da carreira. Os veículos estão em operação na linha 204, entre a estação de Südkreuz e a Universidade Técnica de Berlim. Os autocarros elétricos foram desenvolvidos e construídos pela Solaris, com base no modelo urbano Urbino 12, enquanto o equipamento elétrico, incluindo as baterias, é da responsabilidade da Bombardier.

Cada autocarro elétrico possui no teto uma bateria com uma capacidade de 90 kWh, que é carregada por indução através do sistema PRIMOVE nos dois terminais da carreira 204, que tem uma extensão de 6,1 quilómetros, demorando cerca de 24 minutos a ser percorrida. A frequência da carreira é de 20 minutos.

O sistema de indução tem uma potência de 200 kW, o que permite recarregar as baterias num período de tempo entre quatro e sete minutos. Os parâmetros dos veículos foram configurados para que nunca fiquem sem carga enquanto circulam nas movimentadas ruas do centro de Berlim.

Os quatro autocarros Solaris Urbino 12 Electric ao serviço da BVG foram financiados pelo programa ‘E-Bus Berlin’, o qual conta com um apoio de 4,1 milhões de euros do Ministério Federal dos Transportes e Infraestruturas Digitais da Alemanha. A Universidade Técnica de Berlim contribuiu com o suporte científico.

O Solaris Urbino 12 Electric de Berlim vem equipado com um motor elétrico assícrono de 160 kW, baterias de tração de iões de lítio PRIMOVE, com uma capacidade de 90 kWh e 660 V. O veículo tem um peso bruto de 18 toneladas e pode alcançar uma velocidade máxima de 65 km/h. O autocarro pode transportar até 70 passageiros e possui 33 lugares sentados, além de mais 19 bancos escamoteáveis.

Por: Carlos Moura | Fonte: Transportes em Revista | Fonte (imagem): Wikipedia / A.fiedler

Mantenha a sua frota de transportes na linha com a localização por GPS.

Share.

Leave A Reply