Empresas admitem manter políticas de gestão de frotas

0

 

Segundo o Barómetro Corporate Vehicle Observatory 2010 (CVO), um estudo elaborado pela TNS, em parceria com a Arval, empresa do Grupo BNP Paribas, especializada no negócio automóvel de gestão de frotas, 42 por cento das empresas nacionais “não tencionam mudar a sua política de gestão de frotas automóveis, independentemente das condicionantes originadas pela grave crise económica”, embora a maioria tenha feito cortes no consumo de combustível e revele que não deverá aumentar a frota nos próximos três.

in Transportes em Revista

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply