Chip de matrícula deixa de ser obrigatório

0

PS e PSD chegaram a acordo sobre a polémica questão dos chips de matrícula para o pagamento de portagens nas SCUT. A utilização do chip deixa de ser obrigatória. É esta a proposta conjunta dos dois partidos, que vai ser votada hoje na Comissão de Obras Públicas.

Nas formas alternativas de pagamento fica consagrada a possibilidade de a portagem ser paga por Via Verde, por Dispositivo Electrónico de Matrícula, pré-pagamento anónimo e por pós-pagamento. O Presidente da Associação Nacional de Transportadores de Mercadorias do Norte, Osvaldo Costa aplaude a noticia.

O acordo entre PS e PSD define ainda que o chip só pode ser usado para o pagamento de portagens, ficando vedada legalmente qualquer outra utilização. Ainda assim, CDS-PP, PCP e Bloco de Esquerda devem insistir na revogação total dos decretos que regulamentam a utilização dos chips, mas a aliança PS/PSD não deve deixar esta nova proposta cair por terra.

Após a votação na especialidade na comissão das Obras Públicas, que decorre hoje, a proposta vai a votação final global, em plenário, na próxima semana.

in Rádio Clube Português

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply