Camião híbrido da Renault já foi testado em 5 mil km

0

 

O protótipo do camião híbrido que está ser desenvolvido pela Renault Trucks, o Premium Distribuição Hybrys Tech, já percorreu mais de cinco mil quilómetros, em testes em condições reais de operação. Dotado de uma super-estrutura para recolha de resíduos sólidos urbanos, o camião esteve em operação de Lyon durante cerca de um ano, tendo sido utilizado na zona periférica daquela cidade francesa pela SITA e Grand Lyon.

Com 550 horas de utilização e mais de 550 toneladas de lixo recolhidas, a experiência em condições reais permitiu avaliar o conceito híbrido e as soluções técnicas que possibilitam a sua implementação.

Os resultados dos primeiros ensaios deram indicações positivas, designadamente ao nível do conforto de utilização e baixo ruído do veículo, sobretudo em modo totalmente eléctrico. Em termos de consumo de combustível, o veículo de teste ao serviço da Grand Lyon e Sita registou uma diminuição entre 20 a 25 por cento.

As impressões dos utilizadores do veículo serviram para a marca francesa proceder a algumas melhorias nesta tecnologia.

O conforto na passagem do modo eléctrico ao modo térmico melhorou graças a novas aplicações informáticas. O arranque em frio foi corrigido para poder utilizar o veículo inclusive a baixas temperaturas (-15º). O contexto acústico foi renovado, especialmente nos materiais auxiliares do veículo, como a direcção assistida, que será eléctrica a partir de agora, e, por conseguinte, muito mais silenciosa. Além disso, a distância entre-os-eixos foi diminuída, para facilitar a circulação do veículo nas zonas urbanas densas.

Desenvolvido sobre a base de um Renault Premium Distribuição em configuração 6×2*4, este primeiro veículo híbrido, dotado de uma super-estrutura de recolha de resíduos sólidos urbanos, desenhado especificamente por Faun, recebeu o motor DXi7 Euro V 320 CV, associado a um motor eléctrico de uma potência nominal de 70kW e de 120kW em ponta.

in Transportes em Revista

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply