Brasil vai adotar sistema do tipo Uber para transportar empregados da administração do Estado

0

O Governo brasileiro prepara a criação de um serviço semelhante ao Uber para dar resposta às necessidades de deslocação dos servidores públicos federais (empregados da administração do Estado). A mudança permitirá uma redução de até 20% dos gastos anualmente tidos com as frotas de veículos privados.

O novo sistema integra um plano de contenção de despesas administrativas. A “Uber do Governo” (forma como já é apelidada por alguns órgãos de comunicação social) substituirá a frota de veículos particulares. No lugar deles, os servidores federais passarão a aceder a uma aplicação de cada vez que necessitem de se deslocar, sendo o serviço de transporte assegurado por uma frota de veículos terceirizada.

A contratação deste serviço deverá ficar concluída até ao fim de 2015, segundo a informação avançado pelo jornal brasileiro Época Negócios. Apesar das semelhanças ao Uber, este serviço não terá ligações à aplicação da tecnológica norte-americana, sendo certo que será fornecido por uma empresa externa.

Com o novo serviço de transporte para os servidores federais, o Governo brasileiro espera libertar-se de alguns dos gastos que anteriormente tinha com a manutenção e gestão da frota de veículos particulares dos seus servidores públicos, despesas que atualmente rondam os R$ 200 milhões anuais (quase 46 milhões de euros).

De acordo com o jornal, este serviço será implantado em Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro. A empresa que o fornecerá vai ser paga por quilómetro percorrido, uma informação que será fácil de monitorizar, já que a aplicação vai permitir o acompanhamento dos percursos feitos pelos veículos.

Acompanhe também os percursos dos veículos da sua frota com tecnologia de localização.

Share.
Saiba mais sobre:   Tecnologia

Leave A Reply